Presidência e bispos do Regional Sul 1 definem datas e assuntos pertinentes devido a pandemia

No dia 15 de junho, os bispos da presidência nacional da CNBB – Dom Walmor de Oliveira Azevedo (presidente), Dom Jayme Spengler e Dom Mário Antonio da Silva (vice-presidentes) e Dom Joel Amado Portela (secretário) – tomaram a iniciativa de realizar uma reunião, por videoconferência, com a presidência e bispos do Regional Sul 1. Da parte do Regional, participaram a presidência, o sr. Cardeal, Dom Odilo Pedro Scherer, e diversos arcebispos e bispos.

Dom Walmor refletiu sobre a vida da Igreja e questões da conjuntura nacional, enquanto Dom Joel fez comunicados mais pontuais.

Há uma proposta de se adiar mais uma vez a assembleia geral de 2020, de modo que a mesma não aconteceria no próximo mês de agosto e seria realizada somente em 2021. Isso foi decidido na reunião virtual do Conselho Permanente, no dia 25 de junho.

Dom Walmor recordou que o Tema Central da próxima Assembleia Geral será a Palavra de Deus – Casa da Palavra: animação bíblica da Vida e da Pastoral, a partir das comunidades eclesiais missionárias – considerando o apelo já presente no Objetivo Geral das DGAE: “Evangelizar … pelo anúncio da Palavra de Deus …”. A assembleia trabalhará também a nova elaboração dos Estatutos, com três grandes partes: 1. Formação integral 2. Comunicação e diálogo com a sociedade 3. Gestão pastoral. Tudo isso será visto em etapas e apresentado na Assembleia Geral de 2021. Falou também dos Projetos “A Amazônia precisa de você” e “Ação Solidária”.

Dom Jaime fez uma apresentação acerca da conjuntura política e eclesial. Dom Mário falou das ações solidárias emergenciais por todo o Brasil, a campanha #é tempo de cuidar e pediu que se informasse as ações realizadas nas dioceses. Dom Joel discorreu sobre as clarezas e desafios nesse tempo de pandemia. Informou também sobre questões administrativas da sede da CNBB e do CCM – Centro Cultural Missionário.

Quanto às coletas, foram confirmadas as seguintes datas: 13 de setembro para os Lugares santos, 04 de outubro para o Óbolo de São Pedro, 18 de outubro para Missões e Santa Infância, 21 e 22 de novembro para Campanha da Fraternidade e Campanha da Evangelização.

Em decorrência da repercussão gerada pela audiência de representantes de TVs Católicas com o Presidente da República, Dom Walmor comunicou sobre um encontro da presidência da CNBB com esses mesmos representantes. Tal reunião, disse Dom Walmor, foi de grande proveito e serviu para dirimir dúvidas e dar mais um passo no caminho do diálogo e da unidade.

Da parte do Regional, Dom Pedro Luiz recordou que a assembleia dos bispos do Estado de São Paulo está agendada, e por enquanto mantida, para os dias 13 a 15 de outubro, em Itaici. A Assembleia das Igrejas Particulares, prevista para outubro, não acontecerá, ficando transferida para o próximo ano.

O presidente do Regional lembrou que, nos últimos três meses, as celebrações eucarísticas se deram a portas fechadas, sem a presença dos fiéis e com transmissão pelos meios de comunicação. Contudo, a partir do último fim de semana (13 e 14 de junho), em boa parte das dioceses, as portas das igrejas começaram se abrir novamente, com a presença de no máximo 30% da capacidade do recinto, para garantir o distanciamento entre as pessoas, seguindo as normas sanitárias e de higiene, como o uso de máscaras e álcool em gel, e até mesmo com medição de temperatura corporal.

Foi noticiado também que os missionários do Regional na Diocese de Pemba, Moçambique, passam por grandes dificuldades, haja vista os violentos ataques terroristas no norte da Diocese. Pessoas do povo foram mortas e muitos estão tendo que fugir. Da mesma forma, os missionários, utilizando o veículo, tiveram que fugir por uma trilha, à noite, e, deixando a missão na Região de Nangade, foram se abrigar junto ao bispo, Dom Luiz Fernando Lisboa, na sede da Diocese.

O presidente do Regional comentou também a importância, na sua opinião, do surgimento, na sociedade civil, de diversos movimentos de defesa da democracia, visto que grupos radicais de extrema direita, seguidores do Presidente da República, e apoiados por ele, têm feito ameaças, com uso de violência, contra instituições da República, como o STF e o Congresso Nacional. Em defesa da democracia há grupos como: Comissão Arns de Direitos Humanos, Somos 70 por cento, Pacto pela Vida, Pacto pela Democracia, Esporte pela Democracia etc …

Diversos bispos do Regional seguiram falando e refletindo, a partir de suas experiências e suas preocupações. Terminada a partilha, avaliou-se como muito positivo o encontro, constatando-se que esta modalidade de reunião não só se faz sempre mais necessária como traz diversos benefícios. Trata-se pois de uma prática cada vez mais incorporada que muito pode auxiliar no propósito de unidade e comunhão e no esforço do episcopado de permanecer unido na reflexão e no enfrentamento dos desafios do momento.

São Paulo, 19 de junho de 2020.
Memória de São Romualdo abade e
Solenidade do Sagrado Coração de Jesus

Dom Pedro Luiz Stringhini
Presidente
Dom Edmilson Amador Caetano
Vice-presidente
Dom Luiz Carlos Dias
Secretário

Fonte: CNBB SUL 1

 


Artigos Recentes