“Não havia lugar para eles” – Missa da Noite de Natal

    A noite de Natal é um grande momento para nos deixar invadir pela alegria que desce do céu até nós; ouvimos uma boa notícia que é para o universo inteiro: Nasceu o Salvador!

    O amor é Deus conosco! São Lucas situa na história o nascimento de Cristo. Ele se encarna realmente, é histórico, vem com seu amor nos ensinar a amar, a não nos preocupar somente com nosso bem-estar, mas em viver e servir por e com amor.

    Ontem como em nossos dias, o menino Jesus quer ser acolhido por nós e em nós; não impõe a sua vontade, entretanto seu amor deseja acolhida. Acolher é mais que alojar, é mais que acomodar, hospedar… Acolher é abrir o coração, criar espaço para que “o menino que nos foi dado”, o “príncipe da Paz” se estabeleça e permaneça entre nós.

    O amor não exige condições para amar; só espera ser acolhido. Esta é a noite da alegria, noite do maravilhoso anúncio de Jesus entre nós! “Não tenhais medo”, diz o anjo aos pastores! “Nasceu o salvador, o Cristo Senhor!

   A alegria anunciada pelo anjo, não é uma qualquer; esta é inconfundível! Se não for o Cristo a nossa alegria, celebraremos tudo, menos o Natal! “O encontrareis deitado na manjedoura”; O encontraremos na simplicidade, não na ostentação, na humildade do presépio, não nos palácios de orgulho e egoísmo.

A razão da festa desta noite é Jesus: “Nasceu-nos hoje o Salvador”! E Jesus nasceu para todos, para salvar a todos. Na luz de Jesus encontramos o sentido par o nosso viver.

Na verdade, Jesus Cristo, nosso Senhor, veio para abolir o contágio do pecado, não tolerá-lo; e veio para curar todas as doenças de corrupção, e todas as feridas da alma maculada”. (são Leão Magno).

Mons. João Paulo Ferreira Ielo


Artigos Recentes